Governador garante que Mato Grosso terá dinheiro para a compra da vacina contra Covid

O governador Mauro Mendes disse que não vai passar à frente do presidente da República, Jair Bolsonaro, sobre a compra da vacina contra a covid-19.

“Eu não vou entrar nessa polêmica. O Ministério da Saúde está conduzindo esse assunto e o governo federal se dispôs a comprar doses. Se ele [presidente Bolsonaro] não comprar, Mato Grosso vai ter dinheiro, sim, para comprar vacina. Mas é o governo federal quem vai decidir”, disse.

Mendes disse que continua com a palavra do ministro Eduardo Pazuello, de que os Estados devem começar a receber a vacina em janeiro de 2021, para a imunização de grupos prioritários.