Médica picada por jararaca volta aos atendimentos

A médica Dieyenne Saugo retornou aos atendimentos em clinica de emagrecimento cerca de dois meses após ser picada por uma cobra jararaca, em Nobres (146 a Médio-Norte de Cuiabá). Devido ao estado de saúde gravíssimo, ela ficou 20 dias internada no Hospital Albert Einstein, em São Paulo.

Em sua rede social, a profissional informou que sua recuperação está sendo muito rápida.

A profissional foi picada pelo animal no braço e no pescoço. Ela foi trazida em uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e internada em hospital particular de Cuiabá.