CALAMIDADE

Emanuel dá drible no TAC e Intervenção

CALAMIDADE

Emanuel dá drible no TAC e Intervenção

 

 

Ao devolver a administração da saúde municipal ao prefeito Emanuel Pinheiro, fizeram uma amarração para que o gestor não tivesse o controle total da pasta.

O Termo de Ajuste de Conduta, que envolveu o TCE, MPE e TJ, foi assinado, representando Cuiabá, a autoridade máxima em saúde do município, que era a interventora Danielle Carmona.

No TAC foi previsto que as ações do secretário de saúde municipal teriam que passar pelo crivo da equipe de intervenção ainda presente no organograma municipal.

Emanuel deu uma “caneta” em todos. Decretou calamidade na saúde e ficou livre para contratar, pagar e receber sem ter que obedecer aos trâmites normais de licitações e contratos e, portanto tornou a tal equipe de Intervenção, mera expectadora.

Certamente buscarão o VAR da justiça, mas provar que o corpo é de pinheiro, mas a cara é de peroba, não será simplesinho.