Chefe da Defensoria Pública é reeleito em MT

O defensor público-geral, Clodoaldo Queiroz, foi reeleito pela categoria na tarde desta quinta-feira (5) com 90,7% dos votos válidos. Queiroz era candidato único à reeleição e recebeu 166 votos, dos 183 defensores públicos que exerceram o direito à escolha. Ao todo, 203 membros, entre ativos e inativos, estavam aptos a votar. Desses, 20 se abstiveram e 17 votaram em branco.

Ele afirmou que o surgimento da pandemia os levou a rever os planos e reposicionar as rotas para o órgão. E que mesmo diante de inúmeras dificuldades, levou o órgão a atender mais e melhor, garantiu melhores condições de trabalho e de estrutura para toda a Instituição.

O defensor afirma que hoje, graças às medidas implantadas, atende mais pessoas por dia do que antes da pandemia.

Processo

A Lei Orgânica da Defensoria Pública de Mato Grosso estabelece que, mesmo em caso de candidato único, a eleição deve ocorrer e após a consolidação da votação, o nome do escolhido pela categoria deve ser encaminhado ao governador do estado, até o dia 30 de novembro, para que ele faça a nomeação. A posse, tanto do defensor público-geral, quanto dos conselheiros, cuja eleição será na sexta-feira (13), ocorre no dia 2 de janeiro de 2021.