Secretário é preso em flagrante pela PRF

O secretário de Governo de Sinop (a 447 km de Cuiabá), Jaime Dallastra, foi preso em flagrante na noite de terça-feira (1º) pela Polícia Civil, suspeito de participação em desvio de material da Concessionária Rota do Oeste para a fazenda da irmã dele, a prefeita do município, Rosana Martinelli (PL). No entanto, Jaime foi solto na madrugada desta quarta-feira (2).

A prisão foi feita pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), após receber denúncia da concessionária de que caminhões estavam retirando material das margens da BR-163, na altura do km 815, sem autorização da empresa.

De acordo com o delegado da Polícia Civil, Pablo Carneiro, o material desviado trata-se de frisado, usado no processo de asfaltamento para o nivelamento e assentamento das vias de terra. Não se sabe ainda a quantidade exata desviada, porque a polícia aguarda a realização da perícia.

Segundo Carneiro, ao serem abordados pelos agentes da PRF, os motoristas dos caminhões e o operador de uma pá-carregadeira, que faziam o serviço, informaram que o material estaria sendo descarregado em uma fazenda da prefeita, localizada no município de Santa Carmen.

Conforme a polícia, os veículos utilizados não eram da Prefeitura, mas contratados de forma particular. No momento da abordagem, eles estariam fazendo a terceira viagem de remoção do material.

Os operários, que foram conduzidos à delegacia como testemunhas, inclusive teriam apresentado um ofício assinado pelo secretário de governo, onde Dallastra solicitava a doação do material para ser empregado nas estradas vicinais de Sinop.

A Rota do Oeste, porém, desconhece o ofício, e afirmou que a suposta solicitação não foi deferida pela empresa.

De acordo com o delegado, a princípio, só o secretário foi preso, logo após comparecer à delegacia. Ele prestou depoimento confirmando para onde o material estava sendo levado.