SAÚDE DE CUIABÁ

TCE vê necessidade de flexibilizar o TAC

Em vistoria realizada hoje pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE/MT) no Hospital São Benedito, com muitas declarações políticas, uma constatação técnica importante quase passa despercebida, a necessidade de flexibilizar o Termo de Ajuste de Conduta (TAC) firmado entre o Tribunal de Justiça, TCE e a Intervenção que assinou pelo prefeito Emanuel Pinheiro.

A constatação foi que a regulação dos pacientes, hoje feita exclusivamente pelo estado, não está funcionando como deveria e que a volta a uma regulação compartilhada entre estado e prefeitura, como acontecia anteriormente, é o melhor caminho. Nessa deficiência foi colocada a conta de nove mortes ocorrida no hospital.