COTADO

Ex-secretário de Mauro no comando da Saúde em Cuiabá

Com vigilância além da normalidade o prefeito Emanuel Pinheiro retomará a saúde Municipal em 1º de janeiro.

Um observatório com poder de veto está estipulado no TAC que assinaram em seu nome e foi homologado pelo Tribunal de Justiça.

As atenções se voltam para quem assumiria tal missão, de chefiar, nestas condições, a Saúde de Cuiabá.

O mais cotado para o posto, o advogado e ex-secretário de segurança do primeiro mandato do governo Mauro Mendes, Alexandre Bustamante, que negou contato com emissário ou com o próprio prefeito a respeito de uma nomeação.

Cobrado, Emanuel respondeu através de nota que está no prazo de dez dias a partir da comunicação ao gestor da homologação do TAC e que recorreu de pontos contidos no documento.