NO HOSPITAL

Cabo Hércules está “acabado”

Foi visto no Hospital Municipal de Cuiabá, o reeducando Cabo Hércules.

O ex-cabo da Polícia Militar de Mato Grosso, Hércules de Araújo Agostinho, condenado pela Justiça a cumprir mais de 162 anos de prisão por diversos crimes de homicídio, entre eles o de Sávio Brandão, o mandante, Arcanjo Ribeiro também condenado, encontra-se em prisão domiciliar, após ter cumprido 15 anos de uma pena de 87 anos.

Com forte aparato de segurança o apenado deu pena. Os relatos dão conta de uma pessoa que se apresentava “magro”, com “cara de coitado” e “acabado”.