Juíza nega recurso e mantém ex-secretário de Saúde afastado

A juíza Ana Cristina Mendes, da 7ª Vara Criminal de Cuiabá, negou recurso do ex-secretário de Saúde de Cuiabá Luiz Antonio Possas e manteve a decisão que determinou seu afastamento do cargo.

O ex-secretário foi afastado da função na última quinta-feira (1º) durante a Operação Overpriced, que apura um suposto superfaturamento na compra do medicamento Ivermectina – um dos fármacos usados para tratamento da Covid-19.

No mesmo recurso, contudo, a juíza autorizou o desbloqueio de R$ 715 mil em bens e dinheiro do ex-secretário. O valor é referente ao prejuízo que o suposto superfaturamento teria causado aos cofres de Cuiabá.